sábado, 4 de fevereiro de 2012

Coração íntegro e alma voluntária


Tu, meu filho ..., conhece o Deus de teu pai e serve-o de coração íntegro e alma voluntária; porque o Senhor esquadrinha todos os corações e penetra todos os desígnios do pensamento. Se o buscares, ele deixará achar-se por ti; se o deixares, ele te rejeitará para sempre. 1 Crônicas 28:9.
Temos neste texto um conselho de um pai ao seu filho no leito de morte. Não se despreza um conselho assim.
 No caso o pai é o rei Davi e o filho veio a se tornar o rei mais próspero de Israel e também considerado o mais sábio, Salomão. É um conselho de profunda sabedoria e fruto de experiência pessoal com Deus. Davi era chamado, apesar de todos os seus pecados e contradições, de “o homem segundo o coração de Deus”. Nas suas lutas e crises, nos seus pecados mais terríveis ou mesmo quando foi publicamente humilhado por seu próprio filho que tentou um golpe de estado, ele sempre buscou a Deus de coração íntegro e alma voluntária.
Coração no Antigo Testamento significa o homem inteiro quando visto da perspectiva de seu conjunto de valores, suas convicções e sua vontade. Apresentar-se a Deus com o coração íntegro significa deixar que o Senhor influencie todas as suas decisões e pensamentos. Significa buscar a Deus racionalmente com a mente, a vontade e as emoções. Não deixar escondido nada da face de Deus. Servi-lo com o coração integral, não dividido, sem duas verdades, sem dois pesos ou duas medidas.
Significa ser em casa o que se é na igreja ou no trabalho, não viver uma vida secreta titubeando entre dois comportamentos. Só assim nosso compromisso com Deus, com os homens, com as instituições como a igreja e a família será conforme o coração de Deus (Atos 13:22).
Alma voluntária significa o ânimo interior, a predisposição do ser. Servir a Deus de alma voluntária significa acreditar no projeto de Deus para a sua vida. Entender que o compromisso com Deus não é forçado, nem por impulso, nem temporário.
Significa o que disse Jesus ao escriba quando interrogado sobre o que era mais importante na lei. Ele disse “Amarás o Senhor, teu Deus, de todo o teu coração, de toda a tua alma e de todo o teu entendimento. Mt 22:37. “ Depois disse “ Amarás o teu próximo como a ti mesmo.”
Quando há amor, há integralidade de coração. Quando há amor, há voluntariedade do ser, da alma. Um espirito voluntário não é desprezado por Deus (Sl 51).
Este amor implica em buscar o Senhor num compromisso sério de viver melhor, de dar o melhor de si, de empenhar toda a sua força e vontade em servir ao Senhor. Não quero dizer que devemos nos tornar mais religiosos e comprometidos com a vida da Igreja somente, embora isso seja uma consequência natural. Significa que vou ordenar de tal forma a minha vida que haverá tempo para o que é importante e não só para o que é urgente. Significa que o meu trabalho é uma vocação de Deus para mim e devo fazê-lo como um ministério a Deus e aos homens.
Entender que não fui chamado a ser apenas alguém que luta pela comida e conforto para sobreviver, mas que meu trabalho, minha família com todas as suas dificuldades e alegrias, meus amigos, meu lazer e o meu compromisso com uma igreja são a expressão na vida do meu relacionamento com Deus.
Isto é vida abundante. Isto é ter “shalom”, paz em hebraico. A palavra shalom não significa apenas ausência de guerras ou conflitos. Significa uma estabilidade interior que nos faz passar pelas crises e conflitos sem desmoronar. Significa uma vida rica de contentamento e gratidão. Significa que tenho uma missão dada por Deus para com tudo e todos que cruzarem o meu caminho.
Salomão ouviu este conselho de seu velho pai e Deus lhe deu sabedoria e riqueza, respeito das pessoas e abundância de bens. Mas, diz a Bíblia em1 Reis 11:4 que ele deixou seu coração se desviar. “Sendo já velho, suas mulheres lhe perverteram o coração para seguir outros deuses; e o seu coração não era de todo fiel para com o SENHOR, seu Deus, como fora o de Davi, seu pai.”
Quando contarem a sua história, o que se dirá de você: O que se disse de Davi ou o que se disse de Salomão?
Postar um comentário